BLOG DO COVEIRO

Contatos: wenddel_cocal@hotmail.com Fone/WhatsApp: (86) 99972-6801.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Após onda de roubos em Cocal, cidade receberá reforço da Policia Militar


Em decorrência da criminalidade que vem tirando o sossego da população cocalense nos últimos dias, o comandante do 2º Batalhão da PM-PI de Parnaíba, Major Adriano Lucena, juntamente com o Capitão Ronald, comandante do BPM de Cocal, participaram na tarde da ultima segunda-feira (25/01), no Fórum de Cocal, de uma audiência com o Promotor de Justiça- Dr. Francisco Túlio Ciarlini Mendes e com o Juiz Dr. Carlos Augusto Arantes Júnior, para tratar de medidas que serão adotadas para fortalecer a segurança do município. 


Durante a reunião ficou acordado que a Polícia Militar atuará com mais frequência nas mais diversas áreas da cidade para inibir os crimes, realizando diariamente ações preventivas como bloqueios policiais, rondas ostensivas e blitz. Os trabalhos serão intensificados aos finais de semana.


As batidas policiais também têm como objetivo aproximar a policia da população, para que se transmita uma sensação de maior segurança, buscando aplicar métodos de policiamento comunitário preventivo.


O Promotor Francisco Túlio esclareceu que vem solicitando junto ao Governo do Estado mais viaturas e mais efetivo, mas que esta é uma carência de várias cidades, inclusive, nessa quinta-feira (28), ele tratará do assunto com o Sec. Estadual de Segurança. "O que pudermos fazer para melhorar esta questão, vamos fazer", disse. 


Após a audiência, os trabalhos ostensivos já foram intensificados na manhã desta quarta-feira (27/01), na qual policiais militares do PPTRAN (Pelotão de Policiamento de Trânsito) de Parnaíba, comandados pelo Major Gerson Reis, e PMs lotados no BPM de Cocal, coordenados pelo Cap. Ronald, realizaram uma batida policial.


Nessa primeira etapa os militares abordaram 408 pessoas, vistoriaram 99 carros e fiscalizaram 79 motocicletas, que culminou em sete condutores multados; sendo dois por conduzir veiculo automotor sem CNH (Carteira Nacional de Habilitação); dois por dirigir falando ao celular; duas multas por conduzir veículo sem os documentos de porte obrigatório e um condutor multado por dirigir sem o uso do cinto de segurança.





Nenhum comentário: