BLOG DO COVEIRO

Contatos: wenddel_cocal@hotmail.com Fone/WhatsApp: (86) 99972-6801.

terça-feira, 2 de agosto de 2016

TSE divulga dados oficiais sobre o eleitorado cocalense; confira:

O site oficial do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) está disponibilizando a opção de consulta pública referente as Estatísticas Eleitorais 2016, que permitem identificar o quantitativo de eleitores de cada município brasileiro, bem como retratar algumas características das pessoas aptas a votarem nas eleições que ocorrerão no dia 02 de outubro deste ano. Clique aqui e confira essa opção no site do TSE.

Foto Divulgação/ Clique na imagem para ampliar
Dos 224 municípios do Piauí, Cocal é o 16º (décimo sexto) mais populoso do Estado, com uma estimativa de aproximadamente 28 mil habitantes segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Destes, 21.698 são eleitores segundo o levantamento identificado pelo TSE. 

O eleitorado cocalense é formado predominantemente por homens. Do total de registros, o público masculino representa a maioria, com 11.118 eleitoras cadastradas (51,2397%), enquanto os eleitores do sexo feminino com títulos identificados somam 10.574 (48,7326 % do total).

Foto Divulgação/ Clique na imagem para ampliar
No que diz respeito à faixa etária, os dados compilados demonstram que os eleitores cocalenses são majoritariamente jovens e pessoas abaixo dos 54 anos de idade. De cada 100 votantes, 34 têm entre 16 e 29 anos, enquanto 48 se encontram na faixa de 30 a 59 anos e 18 têm idade igual ou superior a 59 anos.

Já quanto ao nível educacional, os números oficiais publicados pelo TSE revelam uma realidade preocupante. Isso porque uma grande parcela do eleitorado cocalense é analfabeto (22,21%), somente lê e escreve (25,77%) ou ainda não concluiu o ensino fundamental (36,53%). 

Foto Divulgação/ Clique na imagem para ampliar
Nesse quesito, em particular, percebe-se que apesar dos esforços que têm sido feitos nos últimos anos no sentido de ampliar a quantidade vagas nas escolas, de se melhorar as condições do transporte escolar, do oferecimento de incentivos por meio de ajudas financeiras e da criação de vários programas de alfabetização de jovens e adultos, a situação ainda é bastante desalentadora.


As informações apresentadas possibilitam, assim, uma visão panorâmica do público das eleições no município em tela. Provavelmente, os candidatos a prefeito e vereadores antenados com realidade vão ajustar seus discursos e propostas de trabalho ao perfil de cada segmento demográfico com suas necessidades particulares.

Nenhum comentário: