BLOG DO COVEIRO

Contatos: wenddel_cocal@hotmail.com Fone/WhatsApp: (86) 99972-6801.

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Polícia Civil e Guarda Municipal cumprem mandados judiciais e prendem duas pessoas em Cocal


Agentes da Polícia Civil e da Guarda Municipal prenderam no final da tarde desta quarta-feira (19/07), um homem de 35 anos, identificado como Francisco José do Nascimento, o "Gilberto", e o senhor Olívio Antonio dos Santos, conhecido popularmente como "Oliveira", de 48 anos, ambos em cumprimento a mandados judiciais expedidos pela Comarca de Cocal, município da região Norte do Piauí. 


DOIS MANDADOS DE PRISÃO EM ABERTO


Segundo informações repassadas pela polícia, em desfavor de Francisco José do Nascimento, o "Gilberto" havia dois mandados de prisão em aberto, um de cumprimento de sentença pelo crime de roubo, ocorrido no ano de 2007, na qual ele foi condenado a uma pena de cinco anos e quatro meses de reclusão a ser cumprido inicialmente em regime fechado, e um de prisão preventiva, pelo crime de lesão corporal grave praticada em face de Francisco de Oliveira, que foi esfaqueado na madrugada do dia 11 de fevereiro de 2011, durante uma festa no Sport Clube. 


Gilberto foi conduzido para a Penitenciária Mista de Parnaíba na tarde desta sexta-feira (20/07), onde ficará recolhido cumprindo a sua pena.


REGRESSÃO DE REGIME

O senhor Olívio Antonio dos Santos, o ''Oliveira" teve uma sentença condenatória de quatro anos de reclusão, pelo crime de lesão corporal grave praticada no ano de 2001 contra Aureliano Pedro da Cunha. A pena privativa de liberdade deveria ser cumprida, inicialmente, em regime semiaberto, mas foi substituída por duas restritiva de direitos, na modalidade de serviços a comunidade e interdição de diretos.


O apenado compareceu a audiência admonitória e tomou conhecimento das condições especificas para cumprimento da pena e comprometeu-se a efetivar todas as condições impostas pela justiça, porém, a Comarca certificou que o homem descumpriu tais medidas. Devido a transgressão, a justiça acatou o parecer do Ministério Público e reverteu a pena restritiva de direitos pela privativa de liberdade, expedindo o mandado de prisão definitiva por condenação em desfavor de Oliveira.


O homem será encaminhado para a Colônia Agrícola Penal Major César Oliveira, localizada entre as cidades de Altos e Teresina. 

Nenhum comentário: